Carta de Futuro para o Ceará 2050 Geral

sexta-feira, 11 maio 2018

UFC elabora documento  com propostas para o crescimento do Estado

Matemáticos, arquitetos, engenheiros, médicos, ambientalistas, educadores. Cientistas de inúmeras áreas do conhecimento representam a Universidade Federal do Ceará, durante toda esta sexta-feira (11), no primeiro evento ampliado da academia no processo de construção da Plataforma Estratégica de Desenvolvimento de Longo Prazo – Ceará 2050, iniciativa do Governo do Estado coordenada pela UFC.

Cerca de 200 participantes da UFC estiveram reunidos, em Fortaleza, para elaborar uma das Cartas de Futuro que irão nortear a construção do plano de desenvolvimento do Estado.

“Este é o momento em que começamos a construção coletiva do Ceará 2050. Iremos ouvir as expectativas, os anseios da academia, as projeções de resultado e as contribuições deste segmento”, explicou Caio Marini, diretor do Instituto Publix, empresa responsável por coordenar a etapa de Visão de Futuro da Plataforma.

A Carta de Futuro elaborada pela UFC deverá reunir visões de longo prazo, que se desdobrarão em objetivos, metas e, posteriormente, em um portfólio de projetos inovadores para o Ceará. Além da Universidade, outros segmentos da sociedade formularão documentos semelhantes. Essa etapa surge após a realização de um diagnóstico sobre a realidade cearense dos últimos 30 anos, já concluído pela equipe do projeto, que tem na coordenação geral o Prof. José de Paula Barros Neto, do Centro de Tecnologia.

Segundo o reitor Henry Campos, “a UFC, sendo a melhor universidade do Norte e Nordeste do País, se qualifica para estar de mãos dadas com o Governo nesse processo. É imprescindível trazer aqueles que produzem conhecimento como atores importantes do futuro que se pretende”.

Próximos passos

Após o encontro desta sexta-feira, a Carta de Futuro da UFC será sistematizada e apresentada. A elaboração das Cartas integra a terceira fase da construção da Plataforma Ceará 2050 – a primeira foi a do diagnóstico e a segunda a de análise externa e construção de cenários. Na atual etapa, a Visão de Futuro será construída não só pelos diversos segmentos da sociedade, como também por 14 regiões do Ceará, com participação da população.

Ainda nessa fase, será realizado o Seminário “O Ceará que será em 2050”, no Centro de Eventos do Ceará, nos dias 15 e 16 de maio, quando os resultados do diagnóstico dos últimos 20 anos serão apresentados à sociedade. O evento é um momento importante para auxiliar na construção da visão de futuro do Ceará. As inscrições são feitas pela Internet.

Até 30 de junho, está aberta consulta pública on-line para que a população possa contribuir com ideias transformadoras para o Estado.

Fonte: Ascom UFC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site desenvolvido pela Interativa Digital