Professor da UFRN premiado internacionalmente Geral

quarta-feira, 13 dezembro 2017
Professor Rodrigo Pereira, vencedor do Prêmio Friedrich Wilhelm Bessel

Rodrigo Pereira, do Instituto Internacional de Física, recebe prêmio de instituto e pesquisa alemão, que aposta em nomes para o futuro da ciência

A Fundação Alexander Von Humboldt, instituição de pesquisa do governo da Alemanha, concedeu o Prêmio Friedrich Wilhelm Bessel. Voltado para pesquisadores com trabalho reconhecido internacionalmente, neste ano, o vencedor foi o professor Rodrigo Pereira, do Instituto Internacional de Física da UFRN. Dentre os objetivos da premiação, está o reconhecimento de apostas para o futuro da ciência, com destaque para pesquisas de cientistas de diversos países e oferece a possibilidade de colaboração de até um ano em instituições de ponta na Alemanha.

Rodrigo Pereira, de apenas 37 anos, egresso da Universidade Estadual de Campinas, onde também fez mestrado, cursou doutorado na University of British Columbia (Canadá) e pós-doutorado no Kavli Institute for Theoretical Physics (EUA). Sua área de atuação é em física da matéria condensada, especificamente nos temas de dinâmica de sistemas unidimensionais, modelos de impurezas quânticas e líquidos spin. Ele se juntou ao IIF-UFRN no final de 2016.

O professor Pereira foi indicado pelo físico alemão Reinhold Egger, da Universidade de Düsseldorf e membro do comitê consultivo internacional do IIF, com quem possui uma pesquisa conjunta no campo de magnetismo e transporte em sistemas quânticos de muitos corpos.

“Eu não esperava receber este prêmio e fico muito feliz de ser nomeado para uma premiação que tem tamanho prestígio. Com os recursos a que vou ter acesso poderei fazer mais visitas aos colaboradores que temos na Europa para melhor desenvolver nosso trabalho. Mesmo com as facilidades da tecnologia, em nosso tipo de trabalho é melhor ter a possibilidade de estar perto dos seus colegas para discutir os rumos do projeto”, disse o Professor, que dará início à primeira de suas viagens à Alemanha no começo de 2018.

Redação com informações da Assessoria de Comunicação IIF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site desenvolvido pela Interativa Digital