Conselho Universitário da UFPE divulga nota de apoio ao CNPq Políticas de C&T

terça-feira, 27 agosto 2019

O Consuni divulgou documento, aprovado por unanimidade, em que solicita ao Governo Federal a recomposição do orçamento do MCTIC e do CNPq

O Conselho Universitário da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) após se reunir nesta segunda (26) divulgou uma nota em apoio ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). No documento, aprovado por unanimidade, o Consuni solicita ao Governo Federal a recomposição do orçamento do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do CNPq.

Leia a nota na íntegra:

No início do século 20 (décadas de 1920 e 1930), foram iniciadas as atividades de pesquisa nas universidades brasileiras, o que propiciou a criação do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq) no início da década de 1950, com a finalidade de institucionalizar o fomento à pesquisa e promover o desenvolvimento do país.

Com a formalização da pós-graduação no país a partir de 1965, o CNPq se constituiu em dos órgãos de essencial importância para a consolidação da pós-graduação e da pesquisa científica de qualidade, cuja contribuição durante décadas levou ao atual reconhecimento internacional de diversas áreas de conhecimento.

Entretanto, com os cortes implementados pelo Governo Federal ao orçamento do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do CNPq, a ciência brasileira passa a enfrentar um cenário crítico e preocupante, com a possibilidade de desmonte da infraestrutura científica e da pós-graduação nacional, o que pode contribuir para a inevitável evasão de nossos cientistas e pesquisadores para o exterior, impactando fortemente as atividades das universidades federais, estaduais e comunitárias.

A descontinuidade do financiamento por parte do CNPq trará prejuízos ao ensino, à pesquisa e ao desenvolvimento tecnológico nacional, além de impor dificuldades à formação dos alunos de pós-graduação e para uma importante e única iniciativa de estímulo à vocação científica, o Programa de Iniciação Científica (Pibic).

Assim, o Conselho Universitário (Consuni) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) vem solicitar ao Governo Federal a recomposição do orçamento do MCTIC, bem como do CNPq, considerando a relevância desse órgão federal para a organização e o suporte à ciência brasileira, evitando-se a desestruturação do sistema de ensino superior público de qualidade, responsável por mais 95% da produção científica do país.

Fonte: Ascom da UFPE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site desenvolvido pela Interativa Digital