Há lugar para as utopias no presente? Ciência no Debate das Ideias

terça-feira, 11 setembro 2018

A coluna discute a utopia como algo que não é inalcançável, mas como o que está a nosso alcance realizar

O professor Alípio DeSousa Filho fala sobre o lugar da utopia no presente, na edição dessa semana da coluna Ciência no debate das ideias. Ele afirma que a utopia não é algo impossível de ser feito, inalcançável, mas a utopia é algo que está a nosso alcance realizar.

As utopias são o desejo de uma outra realidade, na qual a vida seja melhor; um mundo sem fome, opressão, sofrimento evitável, desigualdades profundas. Ele, porém, afirma que para a realização das utopias, hoje já não se trata mais de se pensar numa revolução global a instaurar grandes rupturas sociais, como as que ocorreram no Século XX. No tempo presente, a utopia pode ser realizável nas lutas pontuais, nas lutas intersticiais.

DeSousa Filho acredita que a humanidade terá sempre essa reserva de esperança e de desejo para um mundo melhor.

Veja a coluna:

Alípio DeSousa Filho

2 respostas para “Há lugar para as utopias no presente?”

  1. José Lima Dias Júnior disse:

    O convívio em sociedade depende do nosso modo de pensar e agir. Não há mais espaço para atitudes eticamente condenáveis. A utopia é revolucionária. Parabenizo pelo canal de divulgação científica. Avante!

    • NossaCiencia disse:

      Caro José Lima,
      Agradecemos pelos parabéns e lembramos que o site é uma inciativa de duas jornalistas que gostam de divulgação científica. Caso queira apoiar o projeto, você pode acessar nossaciencia.com.br/apoio e fazer uma assinatura solidária.
      Redação do Nossa Ciência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site desenvolvido pela Interativa Digital