Para Cilene Victor, desastres ambientais são resultado da iniquidade social Diversidades

segunda-feira, 1 abril 2019
(Foto: José Lucena/EBC)

Pesquisadora propõe que o aumento da frequência e da intensidade dos desastres exige programas e ações para a redução de riscos e dos impactos

Nesta edição do Diversidade em Ciência, o professor Ricardo Alexino Ferreira entrevista a professora e jornalista Cilene Victor da Silva, doutora em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo, atualmente desenvolvendo estudos na área de Comunicação de Riscos Ambientais e Tecnológicos. Entre suas preocupações imediatas está a redução de riscos de desastres, tema sobre o qual já escreveu um livro. Nesta entrevista, ela fala sobre riscos ambientais e tecnológicos, comunicação e populações em estado de vulnerabilidade.

(Foto: Ricardo Alexino Ferreira)

Importância

“Os desastres (ambientais) têm se tornado cada vez mais frequentes e intensos em decorrência das mudanças climáticas, mas também em decorrência de um aumento da iniquidade social”, afirma ela. Daí a importância de uma série de programas e iniciativas para contemplar ações e esforços nas esferas do governo, sociedade civil, mídia e demais setores sociais, tudo para a redução dos riscos de desastres e seus impactos.

 

 

Bloco 1

Bloco 2

Bloco 3

A coluna Diversidades é atualizada às segundas-feiras. Ouça, opine, compartilhe e curta. Use a hashtag #Diversidades. Estamos no Facebook (nossaciencia), Twitter (nossaciencia), Instagram (nossaciencia) e temos email (redacao@nossaciencia.com.br).

Ouça a coluna anterior:  Conheça o novo formato da coluna Diversidades

Ricardo Alexino Ferreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Site desenvolvido pela Interativa Digital